Na reta final, Sisu já tem 3,2 milhões de inscrições



Apesar da ação judicial pedindo a prorrogação do prazo de inscrições, o Ministério da Educação (MEC), em princípio, terminará mesmo nesta quinta-feira, dia 12, o acesso ao Sistema Unificado de Seleção (Sisu). Em nota, divulgada no início da noite desta quinta, o ministério informou que o número de inscrições já supera a casa dos 3,2 milhões e confirmou o prazo estabelecido em edital.

A prorrogação do prazo é uma das solicitações feitas pela Defensoria Pública da União no Rio de Janeiro, em ação civil pública que o órgão deu entrada na última terça-feira, dia 10. No documento, o também era solicitada a divulgação dos espelhos da prova da redação para todos os candidatos, com as devidas justificativas das correções. Segundo a mais recente parcial do MEC, até as 18 horas desta quinta, dia 12, o sistema registrou um total de 3.259.093 inscrições, feitas por 1.619.464 candidatos — cada um pode fazer pelo menos duas opções de curso.

O estado com maior número de  inscrições é o Rio de Janeiro, com 359.186. Em seguida, vêm Minas Gerais, 359.186; São Paulo, 266.709; Ceará, 226.647; Rio Grande do Sul, 214.311; Bahia, 200.531; Pernambuco, 172.699, e Piauí, 143.968.

Para se inscrever, é necessário que os candidatos que fizeram o Enem 2011 e tiraram nota diferente de zero na redação acessem o site, com número de inscrição e senhas utilizados no Enem, para realizar o procedimento. Em caso de esquecimento da senha, é possível recuperá-la na página eletrônica do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep). Cada concorrente pode fazer pelo menos duas opções de curso. Enquanto as inscrições estiverem abertas, eles poderão mudar suas duas opções com base na nota de corte. Cada alteração, no entanto, invalidará a opção anterior.

O resultado da 1ª chamada sairá neste domingo, dia 15 de janeiro, com matrículas em 19 e 20 do mesmo mês. Os aprovados na primeira opção de curso serão automaticamente retirados do sistema. Caso não façam a matrícula na instituição para a qual foi selecionado, perderão a vaga. Quem for selecionado para a segunda opção ou não atingir a nota mínima em nenhum dos dois cursos escolhidos pode permanecer no sistema e ser convocado nas chamadas seguintes. A 2ª chamada está prevista para o dia 26. Na mesma data, terá início o prazo para manifestação de interesse em participar da lista de espera.

Algumas instituições adotam notas mínimas para determinados cursos. Se a nota não for suficiente para concorrer àquele curso, o sistema informará. Algumas também atribuem pesos diferenciados para as provas do Enem 2011. Nesse caso, o sistema fará automaticamente o cálculo, de acordo com as especificações, gerando uma nova nota.

Serviço

Por: Diego Da - [email protected]
Assine e tenha acesso completo ao conteúdo do Folha Dirigida
OU

Comentários

NEWSLETTER
Cadastre-se para receber notícias e Informações