Concursos > Educação-SP

  • Imprimir:
  • Compartilhe
Última Atualização - 09/11/2012

Edital do concurso para professor PEB II deve ficar para 2013

O concurso para professores de educação básica II (PEB II) da Secretaria Estadual de Educação de São Paulo deverá ficar para 2013, após a aprovação de um projeto de lei que será encaminhado em breve pelo governador Geraldo Alckmin para a Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (Alesp). A proposta visa excluir o curso de formação como etapa do concurso para aplicá-lo somente após a posse dos docentes. "Uma das razões é o fato de que muitos que faziam o curso com bolsa de estudo  por quatro meses não tomavam posse. Era um
desperdício de recurso. Nós estamos invertendo. Só fará o curso quem  já estiver na sala de aula", explicou o secretário adjunto da pasta, João Cardoso Palma Filho. O salário inicial varia de R$626,48 a R$2.088,27, dependendo da jornada de trabalho.

A proposta vai alterar a lei 1.094/2009, que está em vigor. Para que isso ocorra é preciso que o projeto seja aprovado pela Assembleia Legislativa. Isso exige um processo de tramitação que costuma superar os 45 dias. Esse é o prazo para projetos que tramitam em regime de urgência serem avaliados pelas comissões legislativas para ir à votação. Além disso,  há o recesso parlamenentar que costuma ter início em meados de dezembro. Em meio à incerteza, o secretário adjunto de Educação afirma que após a sanção da lei pelo governador não haverá demora.  "Aprovada essa lei, nós imediatamente podemos publicar o edital para a realização do concurso", disse Palma.

A conclusão do levantamento de vagas depende agora do número de candidatos que atenderão à  nomeação da última chamada dos aprovados em 2010, que visa incorporar 10.800 pessoas que estão no curso de formação. Desde janeiro de 2011, ingressaram  23 mil aprovados daquele concurso. A nomeação acontecerá em dezembro, com posse em janeiro de 2013. Fontes do Departamento de Recursos Humanos do órgão estimam que o número de vagas será superior ao do último concurso, que contou com uma oferta de 10.083. Essa expectativa também já havia sido levantada  pelo secretário adjunto em agosto, quando declarou que o número não seria diferente do concurso anterior.

A nova seleção será destinada ao preenchimento de vagas em todo o estado e em todas as disciplinas curriculares, o que inclui  Arte, Biologia, Ciências Físicas e Biológicas, Educação Física, Filosofia, Física, Geografia, História, Inglês, Língua Portuguesa, Matemática, Química, Sociologia. O último concurso para PEB II, que aconteceu em 2010, reuniu 261.489 candidatos, que realizaram prova objetiva com 80 questões. O conteúdo abordou temas sobre Formação Básica e Específica do professor. A seleção também contou com avaliação de títulos e curso de formação, que foi considerado como etapa do concurso.

Tabela de salários

PEB II
40 horas    R$2.088,27
30 horas    R$1.566,20
24 horas    R$1.252,96
12 horas    R$626,48

 

Comentários

Para publicar comentários, assine ou faça login.

  • Siga a Folha Dirigida nas redes sociais