Concursos > CAp-Uerj

  • Imprimir:
  • Compartilhe
Última Atualização - 09/01/2014

Concurso de nível médio para 5 municípios

Quem tem o nível médio e experiência de dois anos como inspetor de ensino (ou de alunos) em instituição pública ou privada deve atentar para o concurso da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj). O cargo proporciona estabilidade, já que o regime de contratação é o estatutário, e tem remuneração de R$2.122,95, incluindo o auxílio-alimentação, de R$400. Para concorrer a uma das 22 vagas oferecidas pela universidade os candidatos deverão comprovar a experiência na função por meio de carteira trabalho, contracheque ou declaração original da instituição, com firma reconhecida. Diferente do que FOLHA DIRIGIDA vinha informando, os classificados serão lotados somente no Instituto de Aplicação Fernando Rodrigues da Silveira (CAp Uerj), no Rio Comprido.
 
As inscrições são aceitas no site da Uerj, até o dia 31 deste mês. Quem não tem acesso à internet pode cadastrar-se no campus Maracanã da universidade, na Zona Norte do Rio, de segunda a sexta feira, das 9h às 16h. A taxa é de R$85. Aquele que deseja pedir a isenção tem prazo somente até esta sexta-feira, 10. Esses concorrentes deverão imprimir um formulário, disponível no site da universidade, e enviá-lo à Uerj, junto com os documentos comprobatórios e uma cópia da identidade, em um envelope lacrado, até o dia 13. Os resultados desses pedidos serão publicados no dia 20 deste mês. Os deficientes deverão enviar um laudo médico à universidade, até 7 de fevereiro. Há reserva de vagas também para negros e índios (20%). A seleção ocorrerá por meio de 40 questões objetivas, sendo 20 de Português e 20 de Legislação, que deverão ser respondidas em até quatro horas. Não há data prevista de aplicação. Será aprovado quem conseguir 25 dos 50 pontos de cada disciplina.
 
Serviço
Posto com internet: Rua São Francisco Xavier, 524, 1º andar, sala 03, bloco E.  
 
Uerj terá um novo plano
 
Na última terça-feira, dia 7, foi publicado no Diário Oficial do Estado do Rio de Janeiro o Projeto de Lei nº 2.707/2014, que reestrutura o plano de cargos, carreiras e remunerações dos servidores técnico administrativos da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj). Segundo o texto, o quadro terá 8.400 servidores, sendo 400 auxiliares universitários especializados, de nível fundamental, 2.000 técnicos universitários médios, de 2º grau, e 2.000 técnicos universitários superiores, de 3º grau. Os vencimentos-base, a partir de maio, serão de R$1.970,44 para auxiliar, R$2.561,58 para agente universitário, R$3.103,45 para técnico universitário médio e R$4.205,61 para técnico universitário superior.
 
Os ocupantes dos cargos de agente universitário, técnico universitário médio e técnico universitário superior, porém, poderão ter remuneração de até R$2.686,58, R$3.228,45 e R$5.045,61, respectivamente, incluindo a retribuição por especialização (graduação), de R$121, no caso do agente e técnico de nível médio, e a retribuição (doutorado), de R$840, no caso do técnico de nível superior. Tradicionalmente, quando os órgãos públicos têm esses projetos aprovados, costumam realizar concursos em sequência. 

Comentários

Para publicar comentários, assine ou faça login.

  • Siga a Folha Dirigida nas redes sociais