Notícia principal

Categoria pode voltar a parar por concurso


Federação Nacional dos Trabalhadores em Empresas de Correios e Telégrafos e Similares (Fentect) afirmou que houve forte adesão à paralisão nacional convocada para a última quarta-feira, dia 27, tendo como uma das principais reivindicações a realização de concurso público. Empresa nega adesão significativa. Segundo a federação, outras paralisações podem ocorrer até o congresso da categoria, previsto para junho, quando será discutida a possibilidade de greve geral. A estatal chegou a prever concurso no ano passado, com cerca de 2 mil vagas de carteiro e operador de triagem e transbordo, mas a seleção foi suspensa temporariamente, em função do ajuste fiscal do governo. Funções tem requisito de nível médio, e proporcionam remuneração de pelo menos R$2.885,37 (carteiro) ou R$2.348,87 (operador). Expectativa é de retomada no meio deste ano, conforme previsão de diretor dos Correios no Rio de Janeiro. Faça login e saiba mais!
Assine e tenha acesso completo ao conteúdo do Folha Dirigida
OU

Comentários

NEWSLETTER
Cadastre-se para receber notícias e Informações