Notícia principal

Divulgado o resultado final da primeira etapa


Os candidatos a técnico e auditor federal do Tribunal de Contas da União (TCU) podem consultar o resultado final da primeira etapa do concurso, bem como da perícia médica daqueles que se declararam com deficiência. Os habilitados devem se matricular no curso de formação, exclusivamente pelo site do Cespe/UnB, organizador, até as 18h do próximo dia 24. Após efetuar a matrícula e antes do início do curso, o participante deverá fazer o seu cadastro no ambiente informatizado do TCU, de acordo com as instruções que serão apresentadas no recibo de confirmação da matrícula.

O programa de formação, de caráter eliminatório, será realizado entre os dias 3 e 18 de novembro, pelo Instituto Serzedello Corrêa (ISC), em Brasília, com duração prevista de aproximadamente 90 horas. Durante a realização, o candidato fará jus a auxílio financeiro, na forma da legislação vigente à época de sua realização. A aprovação requer desempenho geral igual ou superior a 60 pontos e rendimento em cada disciplina igual ou superior a 50 pontos. Além disso, devem manter presença mínima de 75% em cada uma das disciplinas ministradas.
 
O programa, que tem por finalidade a integração inicial no ambiente de trabalho e o desenvolvimento de competências necessárias à atuação profissional dos servidores, será composto de uma parte geral, com aulas presenciais e atividades pertinentes à estrutura orgânica, ao funcionamento e aos modelos de gestão do TCU, e de uma  parte específica, com aulas presenciais e outras atividades pertinentes ao cargo. A nomeação dos candidatos aprovados no curso está prevista para o dia 9 de dezembro, com a cerimônia de posse sendo realizada no dia posterior.

Caso seja necessário, uma nova convocação será feita no dia 26 de outubro. A seleção visa a contratar 42 novos técnicos (nível médio) e 66 auditores (superior). As contratações serão feitas pelo regime estatutário. As remunerações são de R$8.723,10 para técnicos e R$14.863,40 para auditores, já com os R$784,74 de auxílio-alimentação. Os demais habilitados formarão um cadastro, para convocações adicionais, dentro do prazo de validade das seleções, de dois anos (técnico) e seis meses (auditor), podendo dobrar.

Comentários

NEWSLETTER
Cadastre-se para receber notícias e Informações