Notícia principal

TCU confirma organizador este mês


A medida em que outubro avança, cresce a expectativa pela definição do organizador do concurso para o Tribunal de Contas da União (TCU). Instituição responsável pelos preparativos iniciais, o Instituto Serzedello Corrêa (ISC) informou que são enormes as chances do Cespe/UnB ser o escolhido, em virtude do histórico e da segurança de seus certames. O ISC prevê que a questão será resolvida até o final deste mês.
 
O TCU acredita que tem chance de divulgar o edital até o fim deste ano. A seleção visará ao provimento de 30 vagas, sendo 18 técnico (nível médio) e 12 de auditor (superior). O órgão oferece algumas das melhores remunerações do serviço público federal, com ganhos de R$9.629,04 para os técnicos e R$17.681,26 para os auditores. Em ambos os valores, estão incluídos mais R$784,74, referentes ao auxílio-alimentação.
 
A princípio, o concurso não reservará oportunidades para o Rio de Janeiro, embora nada impeça que pessoas de todo o Brasil participem, sobretudo pelas benesses que os cargos dispõem. A seleção deve atender somente ao Distrito Federal, Acre, Amazonas, Maranhão, Mato Grosso, Pernambuco e São Paulo.
 
Para técnicos, as vagas serão na carreira administrativa, enquanto que para os auditores, os postos serão nas áreas de Tecnologia da Informação (10) e Biblioteconomia (2). A última seleção destinada aos técnicos ocorreu em 2012. Para auditores, foi em 2013. O TCU tem poderes para, no auxílio ao Congresso Nacional, exercer a fiscalização contábil, financeira, orçamentária, operacional e patrimonial da União e das entidades da administração direta e indireta, quanto à legalidade, à legitimidade e à economicidade e a fiscalização da aplicação das subvenções e da renúncia de receitas.

Comentários

NEWSLETTER
Cadastre-se para receber notícias e Informações