Entrar Assine

Notícias sobre INSS - 2015 - Técnico e Analista - 950 vagas

Técnico: aprovação exige disciplina e determinação


O concurso do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) para o cargo de Técnico da Previdência (nível médio e remuneração inicial de R$4.620 mensais), cuja autorização está sendo aguardada desde o ano passado, embora esteja confirmado em virtude carência de pessoal daquela autarquia, submete os candidatos interessados a uma primeira prova: "é uma prova de disciplina nos estudos e determinação nos objetivos", conforme ressaltou o prof. Jaime Lin, especialista na área de preparação para a carreira pública.

Concurso deslancha logo após aprovação do Orçamento 2015


O próximo mês será importante para o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), que aguarda o aval do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG) para oferta de 4.730 vagas. É que o Congresso Nacional retornará do recesso no próximo dia 2, tendo entre as prioridades a votação do Orçamento da União de 2015. Essa é uma das condições para que o concurso seja autorizado, conforme o próprio Planejamento já informou.

Nova presidente do Instituto vai priorizar concurso


O concurso para 4.730 vagas no Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), ainda pendente de autorização do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG), será uma das prioridades da nova presidente da autarquia, Elisete Berchiol da Silva Iwai, empossada no último dia 5, no lugar de Lindolfo Neto de Oliveira Sales.

Otimismo em relação à aprovação das 4.730 vagas pedidas


O fato de Carlos Eduardo Gabas estar à frente do Ministério da Previdência Social é visto positivamente pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), no que diz respeito à autorização das 4.730 vagas solicitadas ao Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG), para abertura de concurso. As razões do otimismo são que Gabas é concursado e conhece bem os problemas da autarquia, além de ser amigo da presidente Dilma Roussef, o que pode facilitar a autorização da seleção.

Troca de ministro deve agilizar concurso. Veja plano de estudo


A mudança de comando no Ministério da Previdência Social deve ser vista como positiva por quem se interessa no concurso do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), já que poderá facilitar a autorização das 4.730 vagas solicitadas ao Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG). O ingresso de Carlos Eduardo Gabas no lugar de Garibaldi Alves Filho é saudável pelo fato de o novo ministro ter um ótimo relacionamento com a presidente Dilma Rousseff.

Técnico do seguro social passa a ganhar R$4.620


Quem sonha em ingressar no Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) em 2015 tem um boa notícia: segundo a autarquia, haverá aumento de 5% nos salários atuais, que já são atrativos. O cargo de técnico do seguro social, de nível médio, que proporciona atualmente rendimentos de R$4.400,87, passará, portanto, para R$4.620,91.

Especial: Direito Previdenciário merece atenção redobrada


Com grande carência de pessoal e necessidade de reforçar seus quadros, o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) segue aguardando a autorização do Ministério do Planejamento para abrir concurso para 4.730 vagas em cargos dos níveis médio e superior. Enquanto a seleção não é aberta, especialista recomendam que os fuuros candidatos mantenham os estudos em dia, dando atenção especial à disciplina de Direito Previdenciário, que trata de assuntos da rotina do servidor do INSS.

Aprovação da LDO deve dar celeridade ao concurso


A votação da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2015 está diretamente ligada aos interesses do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). É que a autarquia aguarda a autorização do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG) para realizar concurso com 4.730 vagas.  

NEWSLETTER
Cadastre-se para receber notícias e Informações