Folha Dirigida Entrar Assine

Notícias sobre Eleições-Porto Alegre - 2012

José Fortunati é reeleito para a Prefeitura de Porto Alegre


Os eleitores de Porto Alegre conheceram o candidato que vai governar a capital nos póximos quatro anos: José Fortunati (PDT) foi reeleito já no primeiro turno, com 65,22%, o que representa 517.969 dos votos válidos. A segunda candidata mais votada foi Manuela D'Ávila (PC do B), que alcançou 17,76% dos votos, que não foi suficiente para ir ao segundo turno.

Conheça as propostas dos candidatos à Prefeitura de Porto Alegre


No dia 7 de outubro, cerca de 1.076.263 eleitores da cidade de Porto Alegre terão a importante missão de escolher o novo prefeito do município, e com um simples gesto irão materializar o exercício da democracia e da cidadania, que em um passado não tão distante era um sonho impossível. Os candidatos à prefeitura são José Fortunati (PDT), atual prefeito e líder nas pesquisas, Manuela D'Ávila (PCdoB), Roberto Robaina (Psol), Érico Corrêa (PSTU), Adão Villaverde (PT), Wambert Di Lorenzo (PSDB) e Jocelin Azambuja (PSL).  

\"A minha vida existe para o outro\", é a essência da campanha de Wambert Di Lorenzo


Advogado, escritor e professor no programa de pós-graduação em Direito da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUC-RS), Wambert Di Lorenzo é candidato a prefeito da cidade de Porto Alegre pelo Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB). Em entrevista à FOLHA DIRIGIDA, Wambert destacou seus projetos para a Saúde da cidade e diz que a forma mais racional de diluir a demora do pronto atendimento é em parceria com as redes privadas e os hospitais filantrópicos.

O candidato do Psol defende a concepção de \"um governo do povo e para o povo\"


Um governo do povo e para o povo, é o que defende Robeto Robaina, candidato a prefeito da cidade de Porto Alegre pelo Partido Socialismo e Liberdade (Psol). Formado em História, com mestrado em Filosofia, o candidato tem como concepção de governo a utilização dos recursos públicos para os interesses da população, em áreas sociais como saúde e habitação.

Villa aposta em cinco pilares: inovação, sustentabilidade, saúde, segurança e diversidade


Candidato à Prefeitura de Porto Alegre pelo PT, o engenheiro Adão Villaverde estrutura sua campanha em cinco pilares: inovação, sustentabilidade, saúde, segurança pública e diversidade. O objetivo de imediato é respeitar as ações emergenciais, como aumento das equipes do Programa Saúde da Família, licitação do serviço de transporte público, investir pesado no aumento de vagas nas creches municipais, e na articulação e coordenação de ações com o estado e a União no enfrentamento da violência.

\"Nova política é fazer a diferença na vida das pessoas\", acredita Manuela D'Ávila


Com propostas inovadoras e buscando recuperar a referênciaa qualidade de vida em Porto Alegre, a jornalista Manuela D'Ávila do PCdoB é candidata pela segunda vez à Prefeitura de Porto Alegre. Uma das pioneiras do uso das redes sociais para facilitar o diálogo com a população, sua aposta é no uso das tecnologias para solucionar muitos problemas da cidade.  

Os eixos da campanha de Jocelin são educação, saúde, seguranca e mobilidade urbana


A representação do PSL nas eleições para a Prefeitura de Porto Alegre é feita pelo advogado Jocelin Azambuja. Suas propostas de governo tem como chaves principais educação, saúde, seguranca e mobilidade urbana. O candidato conversou com a FOLHA DIRIGIDA e propôs a valorização do servidor público entre um de seus principais projetos: "Temos que prestigiar os servidores concursados, com planos de carreira que lhes contemple o crescimento profissional, baseado em suas capacidades e desempenho funcionais."

Com um extenso currículo na política, Fortunati tenta a releição


Candidato à reeleição da Prefeitura de Porto Alegre pelo PDT, José Fortunati foi funcionário concursado do Banco do Brasil, período no qual presidiu o Sindicato dos Bancários. O candidato tem um currículo político extenso, em que foi deputado estadual e federal, duas vezes vice-prefeito de Porto Alegre, secretário estadual da Educação e secretário municipal do Planejamento, além de secretário Extraordinário da Copa de 2014. No seu segundo mandato como vice- prefeito, em 2008, o atual prefeito da época José Fogaça renunciou ao cargo e, desde 2010, Fortunati assumiu o comando da Prefeitura de Porto Alegre.  

Érrico Corrêa defende concurso público em todas as áreas


O candidato à Prefeitura de Porto Alegre Érico Corrêa, do PSTU, prioriza em sua campanha o bem-estar dos trabalhadores e a utilização dos recursos públicos como prioridade para a população. Em entrevista concedida à FOLHA DIRIGIDA, ressaltou entre suas principais  propostas, por exemplo, que é contra as obras da Copa de 2014. "Somos contra as obras da Copa do Mundo. É inaceitável que a prefeitura esteja fazendo obras para turistas enquanto a população da cidade padece sem atendimento à saúde, sem escolas infantis, sem saneamento básico. Vamos investir os recursos em um 'Plano de Obras Públicas' para construir moradias,  escolas e postos de saúde para o povo, gerando empregos e melhores condições de vida", priorizou o candidato.  

NEWSLETTER
Cadastre-se para receber notícias e Informações