Folha Dirigida Entrar Assine

No segundo dia, candidatos reclamam de prova cansativa


Resolver 90 questões abrangendo as áreas de Matemática e de Linguagens, Códigos e suas Tecnologias (Português, Literatura, Inglês ou Espanhol, educação física e Artes) e elaborar uma redação, em cinco horas e 30 minutos, foi um desafio para os candidatos da edição de 2014 do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Os participantes criticaram o enunciado longo das questões de Matemática e também o tema inusitado da redação, que abordou a publicidade infantil no Brasil. Veja, a seguir, a opinião de quem faz a prova no campus Maracanã da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj).

"A prova estava cansativa. As provas de Matemática, Língua Portuguesa e Redação não deveriam ser aplicadas juntas, no mesmo dia. Na metade da prova de Matemática eu já estava cansada, pois os enunciados das questões eram longos. Além disso, o tema redação foi totalmente diferente do que eu esperava. Isso deve atrapalhar o desempenho de muitos candidatos."
Alessandra Ribeiro, 41 anos

"Hoje foi um dia pesado. Resolver 90 questões e fazer uma redação não foi fácil. As questões tinham um enunciado muito longo. Nós precisamos ler muitos textos. As provas de Língua Portuguesa e de Língua Estrangeira, no caso eu fiz Inglês, estavam fáceis, pois cobravam mais interpretação. Porém, o tema da redação foi estranho e me pegou de surpresa. Escrevi baseado nos textos apresentados na prova."
Bruno Teixeira, 31 anos

"Considero que essa prova foi fácil. Estudei muito para Matemática e acredito que tive um bom desempenho. Esperava até uma prova mais difícil. Também gostei das partes de Língua Portuguesa e de Língua Estrangeira. Fiz a prova de Espanhol com tranquilidade. O que me pegou de surpresa foi o tema da redação. Pensei que fosse cair algo mais atual."
Beatriz Domingos, 18 anos

"Essa prova estava complexa. Nunca tive facilidades em Matemática e acredito não fui bem nessa parte. Mas acredito que me superei nas provas de Língua Portuguesa e de Língua Estrangeira. Escolhi Espanhol e estava fácil. Sou publicitário e minha maior dificuldade foi colocar as minhas ideias sobre a publicidade infantil em apenas 30 linhas."
Diego Gardel, 32 anos

Por: Larica Santos - [email protected]
Assine e tenha acesso completo ao conteúdo do Folha Dirigida
OU

Comentários

NEWSLETTER
Cadastre-se para receber notícias e Informações