Folha Dirigida Entrar Assine

Fies: renovações de contratos vão até segunda-feira, dia 20


Com a prorrogação do prazo de renovação dos contratos do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies), os estudantes têm somente até a próxima segunda, 20, para fazer a solicitação. A data, que já foi estendida mais de uma vez, terminaria no dia 30 de junho. O Fies, programa do Ministério da Educação (MEC), financia os estudos de alunos de curso superior somente em instituições privadas.

Depois de crescer rapidamente nos últimos anos, o programa foi reformulado em 2015, devido, inclusive, aos cortes orçamentários na pasta da Educação. A fim de conter os gastos, o MEC limitou os prazos de pedidos de novos contratos e estabeleceu novas regras para a adesão. O limite da renda familiar bruta, por exemplo, passou de 20 salários mínimos para 2,5 salários mínimos. A justificativa, segundo o ministro da Educação, Renato Janine Ribeiro, é de que o Fies destina-se a estudantes mais pobres e precisam de financiamento. Outra medida diz respeito aos cursos com notas altas, que agora são prioridades. O foco são os de nota 5 e 4 no Sistema de Avaliação da Educação Superior (Sinaes). Nas regras anteriores, o MEC exigia avaliação positiva no Sinaes.

Ainda no grupo das prioridades, quem está matriculado nas graduações das regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste, exceto o Distrito Federal, tem atendimento prioritário. Para o Ministério, a decisão soma-se às outras políticas sociais que buscam diminuir as desigualdades sociais. Antes, não havia recorte para regiões ou estados, com 60% dos contratos realizados por alunos do Sul, Sudeste ou Distrito Federal. Além dessas regras, aqueles que solicitarem contratos para as áreas de Engenharia, Saúde e formação de professores, possuem prioridade. O governo alega que tais cursos são estratégicos ao desenvolvimento do país. As outras graduações continuam a ser contempladas. Tais restrições geraram instabilidades no sistema e segundo dados do MEC, 178 mil pessoas tentaram celebrar novos contratos sem sucesso.

Para efetuar as inscrições, o candidato precisa acessar o Sistema Informatizado do Fies (SisFies), encontrado no site do próprio programa. Se for o primeiro acesso do estudante, deve informar CPF, data de nascimento e endereço de email válido. Em seguida, cadastrará uma senha. Após colocar as informações, o estudante receberá uma mensagem no endereço eletrônico disponibilizado para validação do cadastro. A partir daí, dados como curso, instituição e o financiamento solicitado serão preenchidos. Depois de concluir a inscrição, o estudante comparece à universidade desejada, em até 10 dias contados da data imediatamente posterior ao da conclusão, a fim de validar as informações prestadas. Após estas etapas, para formalizar a contratação do financiamento, o aluno deve se dirigir a um agente financeiro do Fies, também em até 10 dias. Contudo, a contagem desta vez é feita a partir do terceiro dia útil subsequente à validação da inscrição na Comissão Permanente de Supervisão e Acompanhamento. Atualmente, o Banco do Brasil e a Caixa Econômica Federal são os agentes financeiros do programa.

Serviço
www.sisfiesportal.mec.gov.br

Por: Larica Santos - [email protected]
Assine e tenha acesso completo ao conteúdo do Folha Dirigida
OU

Comentários

NEWSLETTER
Cadastre-se para receber notícias e Informações