Folha Dirigida Entrar Assine

Malvina Tuttman deixa a presidência do Inep


Depois de ter sido informada pela imprensa sobre uma possível substituição na presidência do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), na última terça-feira, dia 24, Malvina Tuttmann foi oficialmente convidada a deixar o cargo na gestão do novo ministro da Educação, Aloizio Mercadante.

A assessoria de imprensa do Inep confirmou nesta quinta, dia 26, que Malvina Tuttman deixou a presidência da autarquia após uma reunião com o ministro da Educação, Aloizio Mercadante. Foi a terceira presidente a ocupar o cargo em três anos. Até a última atualização desta reportagem, ainda não havia definição sobre quem substituirá Malvina Tuttman. O único nome sondado para substituí-la, segundo a assessoria, é o de Luiz Cláudio Costa, atual secretário de Educação Superior (Sesu), mas a informação ainda não é oficial.

Pela manhã, a secretária de Educação Básica do Ministério da Educação, Maria do Pilar Lacerda, anunciou pelo Twitter que deixou o cargo. De acordo com o Ministério da Educação (MEC), Mercadante deve conduzir alterações em quatro das seis secretarias da pasta, além do Inep, órgão responsável pela elaboração do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

Em nota, Malvina Tuttman se despediu do instituto: "Vivi intensamente o Inep e nele aprendi com os meus colegas o valor de ser inepiana. Saio fisicamente desse importante Instituto, mas me sentirei sempre presente em cada sonho realizado e em cada ação desenvolvida pelos servidores do Inep. Para avançar na educação, o Brasil precisa de um Inep forte, e o Instituto está pronto para cumprir este desafio".

Por: Andr Ferreira - [email protected]
Assine e tenha acesso completo ao conteúdo do Folha Dirigida
OU

Comentários

NEWSLETTER
Cadastre-se para receber notícias e Informações