Folha Dirigida Entrar Assine

ProUni registra recorde de inscritos


 
Ao final de seis dias de inscrições, o Programa Universidade para Todos (ProUni) registrou a inscrição de 1.208.398 candidatos. O número supera os 1.048.631 inscritos do processo de 2011, até então a maior marca. Cada estudante teve o direito de fazer duas opções de cursos. Dessa forma, o número de inscrições chegou a 2.323.546.
 
As inscrições terminaram às 23h59 do último dia 19. Nessa edição, são 195.030 bolsas oferecidas apenas para o primeiro semestre, divididas em 98.728 integrais e 96.302 parciais, de 50% da mensalidade.

As unidades da Federação com maior número de inscritos foram São Paulo, com 211.431; Minas Gerais, 151.437; Bahia, 92.983; Rio Grande do Sul, 82.046, e Rio de Janeiro, 73.534.

Para se candidatar às bolsas integrais, os estudantes deveriam ter renda familiar, por pessoa, de até R$993 (o correspondente a um salário mínimo e meio). Aqueles que pretendiam concorrer às parciais deveriam ter renda familiar de até três salários mínimos (R$1.866, em janeiro) por pessoa. Outros requisitos exigidos pelo MEC foram: ter feito o Enem 2011, alcançando o mínimo de 400 pontos na média das cinco notas do exame e, pelo menos, nota mínima na redação; cursado todo o ensino médio em escola pública ou, em caso de colégio particular, na condição de bolsista integral.

O critério de renda não foi exigido para professores da rede pública de ensino básico, que puderam concorrer a bolsas em cursos de licenciatura, curso Normal Superior ou de Pedagogia. Mas, no caso deles, era necessário que estivessem em efetivo exercício e integrassem o quadro permanente da escola na qual atuam.

Serviço
http://siteprouni.mec.gov.br

Por: Marcella Dos - [email protected]
Assine e tenha acesso completo ao conteúdo do Folha Dirigida
OU

Comentários

NEWSLETTER
Cadastre-se para receber notícias e Informações