Folha Dirigida Entrar Assine

Dicas para a reta final de preparação para o Enem 2013


Nos próximos sábado e domingo, dias 26 e 27, milhões de estudantes que buscam ingressar em uma boa universidade darão o passo inicial no sonho da graduação. A hora do tão esperado Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) chegou e, além de avaliar a qualidade da última etapa da educação básica no país, a prova é a principal porta de acesso ao ensino superior, entre outras formas de utilização.

Com mais de 7 milhões de inscritos, o Enem 2013 será aplicado em todo o Brasil. Uma das principais recomendações para os candidatos é verificar, na página do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) na internet, o local de prova para o qual foi designado.

Os portões de acesso serão abertos às 12h e fechados às 13h, quando começará o exame. Recomenda-se que os participantes estejam no local de provas com uma hora de antecedência, para evitar atrasos. É imprescindível, no dia do exame, a apresentação do Cartão de Confirmação junto a um documento de identificação oficial com foto.

Candidatos da cidade do Rio, em especial os que farão a prova em locais do Centro e de bairros próximos, passaram a ter uma preocupação a mais: o trânsito. A prefeitura do Rio transferiu, para o próximo sábado, dia 26, o primeiro da prova nacional, a interdição do Elevado da Perimetral, um dos trechos mais movimentadas da cidade. Em média, 72 mil carros passam pela via todos os dias.

A interdição estava programada para este sábado, dia 19. Ela foi adiada a pedido do Ministério Público do Estado do Rio, justamente pela incerteza que existe em relação ao impacto no trânsito que a medida trará. Segundo o MP, ainda não foi apresentando um detalhamento sobre o aumento do número de veículos nas ruas e avenidas próximas ao elevado.

Com isto, os candidatos que farão prova no Centro da cidade ou bairros próximos têm ainda mais razões para seguir a recomendação de chegar com antecedência aos locais. Afinal, não há qualquer perspectiva sobre o impacto da interdição da Perimetral no trânsito, uma vez que a Avenida Binário, que receberá parte do fluxo de veículos que usariam o elevado, nunca foi testada. Além disso, não há informações sobre se a mudança afetará o trajeto das linhas de ônibus que passam por ruas próximas. O Ministério da Educação apenas informou, em nota, que está em sintonia com as autoridades públicas para evitar problemas.

O Enem é composto por quatro provas objetivas, com 45 questões cada e uma Redação. No dia 26, na primeira parte do exame, os estudantes irão enfrentar questões de Ciências Humanas e suas Tecnologias (História, Sociologia, Geografia e Filosofia) e Ciências da Natureza e suas Tecnologias (Química, Física e Biologia). Nesse dia serão quatro horas e 30 minutos para concluir a prova.

No domingo, dia 27, o tempo será maior. Os candidatos deverão terminar as questões de Linguagens Códigos e suas Tecnologias (Português, Literatura, Artes, Educação Física e Língua Estrangeira - Inglês ou Espanhol), Matemática e a Redação em até cinco horas e 30 minutos.

Para garantir o melhor resultado nesta que é a principal forma de ingresso em muitas das universidade públicas do país, e a oportunidade de conseguir bolsas integrais ou parciais em redes particulares, é bom ficar atento ao perfil da prova. Para orientação dos inscritos, FOLHA DIRIGIDA traz, nesta reportagem, as orientações finais, em cada uma das áreas, para que os inscritos possam direcionar seus estudos e ter mais informações sobre o que os espera no sábado e no domingo.


 
Ciências Humanas e suas Tecnologias

 Fazer e reler resumos ajuda a fixar conteúdos

A área de Ciências Humanas e suas Tecnologias abrange as disciplinas de História, Sociologia, Geografia e Filosofia. O Enem costuma cobrar sempre assuntos da atualidade, sem nunca deixar de fora fatos históricos. De acordo com o professor Enilson Venâncio, do Sistema Elite de Ensino, os tópicos mais cobrados nessa área costumam ser assuntos como Urbanização, Industrialização, Balança Comercial Brasileira, Globalização e Divisão Regional do Brasil.

Por ser uma prova interdisciplinar, no entanto, o professor orienta que os candidatos façam uma abordagem conectada entre as disciplinas. "A industrialização do Brasil, por exemplo, está muito ligada a seu passado para entendermos o processo atual da industrialização. O governo Juscelino Kubitschek, quando criou a Sudene em 1959, tinha como principal objetivo fortalecer o desenvolvimento da região Nordeste. Uma dessas propostas era combater a seca, que hoje está conectada a transposição do Rio São Francisco", ressalta o professor de Geografia.

Nos últimos dias que antecedem o exame, além de resolver exercícios e questões dos últimos Enens, o candidato pode, em termos de preparação, na área de Ciências Humanas fazer ou reler resumos. Segundo Enilson Venâncio, é preciso exercitar a mente para deixar o raciocínio mais rápido.

"As Ciências Humanas tornaram-se ciências infinitas de atualidades, por isso, se por acaso o candidato fizer a conexão do que aprendeu com os assuntos abordados no exame, terá grande vantagem de raciocínio na prova. Existem tópicos mais costumeiros, mas todos são importantes. Como hoje não se sabe o valor das questões do Enem, é bom encarar todas elas com valor e dificuldade."

Resolver questões das últimas edições do Enem também é uma estratégia recomendada por especialistas. Para o professor de Geografia Enilson Venâncio, essa prática, na véspera do exame, ajuda a fixar ainda mais o conteúdo. "Resolver as últimas provas é válido para fixar o conhecimento e aperfeiçoar a leitura. O conhecimento interdisciplinar é outro fator de grande importância na reta final", diz.




Ciências da Natureza e suas Tecnologias

Vários tópicos permitem abordagem interdisciplinar

Química, Física e Biologia são as disciplinas cobradas na área de Ciências da Natureza e suas Tecnologias. As matérias citadas também podem ter seus conteúdos abordados de forma interdisciplinar na hora dos estudos, como explica o professor de Física do Centro Educacional da Lagoa (CEL) Sandro Faria.

"Há muita interdisciplinaridade em temas como: ecossistema, fontes energéticas, impacto ambiental e recursos hídricos, mas é importante nunca esquecer de estudar os assuntos mais cobrados em cada disciplina, que são: eletricidade, energia, calor, mecânica e óptica em Física; físico-química, química geral e orgânica em Química; e ecologia, fisiologia humana e animal, citologia e genética em Biologia", explica o professor.

Em função das mudanças ocorridas em 2009 - uma prova de quatro áreas de conhecimento, cada uma com 45 questões e mais uma redação, em dois dias seguidos - a matriz referência (análise das competências e habilidades) do Enem ficou muito em evidência, gerando um estilo de questões que, além daquelas interpretativas, têm também um perfil acadêmico mais presente, em situações contextualizadas em sua grande maioria.

Por esse motivo, e por ser uma prova tão diferenciada, é válido e eficaz, para uma maior ambientação, refazer as questões das última provas aplicadas pelo MEC, como explica o professor de Física Sandro Faria. "O Enem, desde a sua origem, tem um perfil diferenciado das provas dos vestibulares mais tradicionais. É uma avaliação que não possui como meta ter os conteúdos como fim e sim como meio. As questões possuem, em grande escala, um foco mais interpretativo levando à análise de textos, figuras, gráficos, tabelas etc."

Além de resolver exercícios e questões dos últimos Enens, o candidato também deve, de acordo com Sandro Faria, tentar se familiarizar, o máximo possível, ao estilo de prova. "Penso que focar especificamente no conteúdo, como uma preparação para o Enem, não se faz necessário, pois esta dinâmica já foi feita pelo candidato ao longo de sua vida acadêmica, principalmente no ensino médio. Reforço que é de fato mais válido se familiarizar com o estilo de prova e observar os conteúdos que possam aparecer", orienta.





Matemática e suas Tecnologias   


É importante ter atenção aos cálculos e aos enunciados

Nesta área, a prova vai cobrar conhecimentos de matemática aplicados no cotidiano. Os últimos exames do MEC, no entanto, têm cobrado com maior prioridade assuntos como Funções, Grandezas, aplicação de porcentagens e noções de estatística e probabilidades.

Funções afim e Geometria Métrica com tratamento ao prisma e Cilindro, áreas e perímetros também são abordagens recorrentes nos exames. O professor de Matemática do Colégio Zaccaria e do Colégio Santo Agostinho, Thales do Couto, pede que os candidatos leiam as questões com atenção, pois a interpretação dos enunciados é ponto chave para uma boa resolução das questões.

"O tempo da prova é curto e quem interpretar as questões com maior cuidado vai levar menos tempo na resolução. É importante, também, fazer as questões na ordem dada, entretanto, caso haja dificuldade, parta para outra, mas lembre-se de voltar para concluir as que ficaram para trás", salienta.

Thales do Couto recomenda que os estudantes dediquem o tempo restante para revisar os assuntos mais cobrados no exame. Além de sugerir que os alunos revejam as questões dos Enens anteriores, o professor de Matemática pede que os estudantes tenham como foco um trabalho em grupo.

"Existem alunos que preferem construir seu aprendizado sozinho. Essa estratégia também é positiva, mas acredito que um trabalho em grupo, onde um colega possa auxiliar e trocar sua experiência com os demais, é mais produtivo para o aprendizado", sugere.

De acordo com Thales do Couto, a palavra chave é motivação. Para ele, os candidatos ao Enem 2013 devem saber que todo o trabalho que tiveram ao longo do ano será colocado em prova nos dias 26 e 27 de outubro. "Todos os alunos devem ter em mente que está em jogo um ano de trabalho duro e é chegada a hora de mostrar que adquiriu habilidades e competências em cada uma das áreas."





Linguagens, Códigos e suas Tecnologias


Questões exigem ótima capacidade de interpretação

Igualmente com 45 questões, esta pode ser considerada a área com maior complexidade, pois engloba, além da Língua Portuguesa e Literatura, Artes, Educação Física e Língua Estrangeira. Segundo Ronaldo Prestes, coordenador de Língua Portuguesa do Curso Miguel Couto, a Literatura pode ser fundamental para responder parte das questões.

"A Literatura pode ajudar a resolver tópicos envolvendo as artes em geral, ao abordar as características dos estilos de época, por exemplo. Quanto ao esporte, as atividades físicas e a saúde corporal, basta uma leitura de bom senso das questões e atenção às aulas de Biologia, que, muitas vezes, trabalham temas relacionados e transversais a essas perspectivas."

O professor qualificou a área de Linguagens como uma prova abrangente, pois a considera composta por muitos textos, alguns até muito longos. Por conta disso, Ronaldo Prestes acredita que o candidato deve saber administrar o tempo e acalmar a ansiedade para, dessa forma, acertar o maior número de questões.

"Acho importante fazer o exame por partes, como se estivesse fazendo várias provas em uma só. O ideal é resolver, com uma leitura tranquila, cinco questões por vez, seccionar a prova. Da questão 1 à questão 5; da 6 a 10; e assim sucessivamente", orienta.

Para a área de Linguagens, o segredo é a leitura permanente, seja de livros, revistas ou jornais, ou seja, tudo que possibilite ao candidato o maior domínio da Língua Portuguesa. Na parte de Língua Estrangeira, a assiduidade da leitura também é fundamental. No ato da inscrição, os candidatos tiveram a possibilidade de escolher entre Inglês ou Espanhol.

Para Felipe Costa, professor do Centro de Idiomas Rio, é importante se atentar aos falsos cognatos (palavras parecidas mas com significados distintos em Português e Inglês). A dica também é válida para quem escolheu Espanhol. "Algumas palavras são aparentemente semelhantes, porém possuem significados diferente. Os falsos entendimentos mais comuns, em Inglês, são as palavras push, que significa empurrar, e college, que significa faculdade. Sugiro que os candidatos façam um minidicionário com as expressões e palavras que tiverem maior dificuldade de interpretação."
 

Por: GISELLE BRITO - [email protected]
Assine e tenha acesso completo ao conteúdo do Folha Dirigida
OU

Comentários

NEWSLETTER
Cadastre-se para receber notícias e Informações