Folha Dirigida Entrar Assine

Notícia principal

Concurso em pauta para 779 vagas


A Assessoria de Comunicação do Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Militar (CBMDF) voltou a reafirmar a realização de concurso para a corporação. De acordo com o órgão, o CBMDF está trabalhando para definir a instituição organizadora da seleção, pretendendo resolver a questão em breve. A autorização para escolher a empresa foi concedida no Diário Oficial do DF, no último dia 23 de abril.

Conforme o documento, serão oferecidas 779 oportunidades, sendo 620 para soldados, 115 para oficiais combatentes (médicos, dentistas e complementares), e 44 para oficiais. O concurso tem a exigência de nível superior, inclusive no posto de praça, diferente do que ocorre em outros estados brasileiros.

Em relação aos vencimentos, o de soldado, provavelmente o cargo mais concorrido, estão em torno de R$4,1 mil, durante o Curso de Formação, e R$4.600, ao final. Para oficial, o valor está na faixa dos R$7 mil. A última seleção para praças aconteceu em 2011. Na ocasião, o concurso foi organizado pelo Cespe/UnB, e além das vagas definidas, houve também a formação de cadastro de reserva. Outra característica dos concursos militares diz respeito à idade do candidato. Caso a nova seleção siga os critérios estabelecidos na anterior, serão necessários no mínimo 18, e no máximo, 28 anos, até a data da matrícula no Curso de Formação. Em 2011, os aspirantes à carreira foram submetidos a cinco etapas.

Inicialmente, houve prova de conhecimentos, de caráter eliminatório e classificatório. Posteriomente, os aprovados nesta primeira fase foram convocados a realizar um exame de aptidão física. Na sequência,
os candidatos ainda fizeram avaliações médica, biométrica, toxicológica e complementares. A quarta etapa consistiu em um exame psicológico. Finalizando, antes do Curso de Formação, houve investigação social e funcional.

As objetivas foram compostas por 120 questões, divididas em 70 de Conhecimentos Básicos (Português, Ciências da Natureza, Matemática e Noções de Informática) e 50 de Específicos (Noções de emergência pré-hospitalar, Lei Orgânica do Distrito Federal e Legislação do CBMDF).

Comentários

NEWSLETTER
Cadastre-se para receber notícias e Informações