Entrar Assine

Notícia principal

IBGE dá as dicas finais para prova deste domingo


Este domingo, dia 4, será decisivo para os 221.177 candidatos do concurso IBGE 2016, para 7.825 vagas temporárias. É que nessa data será aplicada, das 13h às 17h, a prova objetiva do do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) para agente de pesquisa e mapeamento, agente de pesquisa por telefone e supervisor de pesquisa. O local da avaliação pode ser consultado no cartão, disponível no site da Fundação Cesgranrio. Os concorrentes deverão se apresentar ao meio-dia, munidos de cartão, identidade original e caneta esferográfica com tinta preta, fabricada em material transparente.
 
É proibido, durante a prova, o porte e o uso de aparelhos sonoros, fonográficos, de comunicação ou de registro, eletrônicos ou não, tais como agendas, relógios não analógicos, notebook, transmissor de dados e mensagens, máquina fotográfica, celular, pager e microcomputador portátil. É vedado também o uso de óculos escuros ou de quaisquer acessórios de chapelaria (chapéu, boné, gorro ou protetor auricular). Segundo a coach para concursos Carmem Zara, os candidatos devem, a poucos dias da prova, cuidar da parte fisiológica.
 
"Ela pode tornar-se uma âncora positiva para você controlar seus próprios estados emocionais. Para criar pontes dos aprendizados para a memória, é importante também que o candidato relaxe e faça atividades que lhe deem prazer. No máximo, devem fazer uma revisão nos pontos mais importantes, aqueles que são certos de constar na prova."

Leia mais:
Temporários: concurso tem mais de 220 mil inscritos
Professor aponta destaques da Geografia para o concurso do IBGE
Agente de pesquisas do IBGE: confira destaques em Raciocínio Lógico
Agente do IBGE: concurso exige atenção em Português
Agente por telefone faz 'telemarketing' sem estresse no IBGE
 
A especialista também recomendou que os concorrentes visitem o local do exame com antecedência, caso não conheçam o caminho. "É importante também estar bem informado sobre as possibilidades de transporte, ver as linhas de ônibus que passam no local ou verificar se há estacionamento próximo para quem vai de carro. Alimentar-se bem e ter uma boa noite de sono na véspera também são fundamentais", orientou.
 
Os candidatos deverão ainda anotar as suas respostas, para conferência futura, no cartão. A objetiva contará com 60 questões. Para agente de pesquisas, cargo que se destaca por exigir o nível médio, o exame versará sobre Português (25 questões), Geografia (20) e Raciocínio Lógico (15). Será aprovado quem acertar 18 questões (30%), sem zerar as disciplinas. Os gabaritos sairão na segunda, 5, e terão consulta na FOLHA DIRIGIDA Online.
 
Das 7.825 vagas, 7.500 destinam-se a agente de pesquisas, 300 a agente por telefone e 265 a supervisor. Os ganhos são de R$1.708, R$1.408 e R$5.058, respectivamente. Os contratos terão duração de até três anos, com avaliações mensais. Dos 221.177 inscritos, 21.422 são do Estado do Rio de Janeiro. Desse número, 15.453 são para agente de pesquisas, 3.010 para agente por telefone e 2.959 para supervisor.
 
Serviço

Comentários

NEWSLETTER
Cadastre-se para receber notícias e Informações