Folha Dirigida Entrar Assine

Notícia principal

Inscrições abertas para procurador do trabalho


Prosseguem abertas, até 3 de abril, via internet (há postos com computadores em várias procuradorias) as inscrições do 17º concurso para procurador do Trabalho, cargo aberto para bacharéis em Direito com experiência mínima de três anos de atividade jurídica após a formação, e que proporciona remuneração de R$23.501,97.
 
São oferecidas, inicialmente, 40 vagas, distribuídas por Goiás (1), Santa Catarina (1), Pernambuco (1), Amazonas (1), Espírito Santo (1), Paraná (2), Bahia (2), Pará (2), Distrito Federal/Tocantins (3), Rio de Janeiro (4), Rio Grande do Sul (5), Minas Gerais (6) e São Paulo (11).
 
Um dos atrativos do concurso é que a oferta poderá ser ampliada em mais dez vagas, totalizando 50, de acordo com o procurador-geral do Trabalho, Luís Antônio Camargo, tendo em vista a necessidade de reoxigenação do quadro de membros do Ministério Público do Trabalho (MPT) e a longa duração do concurso (a posse está prevista para 20 de dezembro).
 
Durante a validade da seleção, de dois anos, prorrogável por igual período, poderá ocorrer mudança na distribuição das vagas. Das 40 oportunidades imediatas, 10% (4) e não mais 5% (2) serão reservadas para portadores de deficiência, conforme estabelece retificação divulgada na última quarta-feira, dia 7, e disponibilizada na FOLHA DIRIGIDA Online.
 
Além de status, estabilidade empregatícia e possibilidade de progressão funcional, o cargo tem outro diferencial na remuneração, que atinge R$23.501,97, dos quais R$22.911,97 de vencimentos e R$590 de auxílio-alimentação. A missão dos procuradores do Trabalho é dar proteção aos direitos sociais dos cidadãos na esfera trabalhista.
 
Para efetuar a inscrição, o interessado deverá entrar no site do MPT até as 23h59 (horário de Brasília) de 3 de abril para preencher a ficha. Em seguida, será preciso retirar a Guia de Recolhimento da União (GRU Cobrança) da taxa, de R$180, que poderá ser saldada, até o próprio dia 3, em qualquer agência ou correspondente bancário, mas, preferencialmente, no Banco do Brasil.
 
Há postos com computadores em procuradorias credenciadas para quem não tiver acesso à internet (ver relação no menu "documentos", ao lado esquerdo). Será permitido pedir isenção de taxa até o próximo 19, desde que o candidato comprove não ter condição de pagar o valor. Para tanto, formulário específico deverá ser entregue pessoalmente em uma procuradoria lista.

Serviço
Inscrição: www.mpt.gov.br/concurso

Comentários

NEWSLETTER
Cadastre-se para receber notícias e Informações