Folha Dirigida Entrar Assine

Notícia principal

Veja as propostas dos candidatos à Prefeitura de São Luís


Com a proximidade das eleições, conhecer as propostas de governo dos candidatos à prefeitura é tarefa obrigatória para um eleitorado consciente. Pensando nisso, FOLHA DIRIGIDA reuniu sete dos oito candidatos ao cargo de prefeito de São Luís para que a população da capital maranhense conheça possíveis soluções para os problemas já existentes e os compromissos assumidos pelos candidatos com os servidores do município durante a vigência de seu mandato, caso ganhem.

O cenário natural de tirar o fôlego, mesclado a arquitetura portuguesa, não são os únicos motivos de orgulho dos habitantes de São Luís, capital do Estado do Maranhão. Quando o assunto é economia, a cidade ocupa a 14º posição entre as capitais e a 26º economia nacional entre os mais de 5.560 municípios do Brasil, com um Produto Interno Bruto (PIB) acumulado em pouco mais de 14 bilhões.

Em contrapartida, São Luís, assim como todo o estado, amarga o último resultado do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), onde não alcançou a nota mínima estabelecida pelo Ministério da Educação (MEC). O quadro defasado de docentes pode ter colaborado para o fato. Hospitais superlotados também desanimam a população da capital. Além da falta de investimento na infraestrutura, a falta de servidores contribui para um atendimento precário e insuficiente.

Mediante ao panorama apresentado, Edvaldo Holanda (PTC), Eliziane Gama (PPS), Haroldo Saboia (PSol), Marcos Silva (PSTU), Tadeu Palácio (PP) e Washington Oliveira (PT) apresentam suas propostas e metas estabelecidas acerca desses assuntos. Também em pauta, um tema que interessa a muitos eleitores em busca de uma oportunidade e que afeta, diretamente, a qualidade dos serviços públicos prestados pelo município: a realização de concursos públicos. Acompanhe.


FOLHA DIRIGIDA - Quais são as suas principais propostas de governo para a Prefeitura?

Edvaldo Holanda -
O eixo principal das nossas propostas de governo é a mudança no modelo de administração pública em São Luís. Queremos dar qualidade de vida à população através da Educação, da Saúde Pública, da Mobilidade Urbana e do Saneamento Básico.
Eliziane Gama - Vamos trabalhar prioritariamente pela Educação. Além do mais, a Mobilidade Urbana, a saúde e o saneamento são ações que daremos uma atenção muito especial.
Haroldo Saboia - Vou criar o Serviço Autônomo de água e esgoto do município, despoluir nossos rios e, em dois anos, vamos devolver o banho de mar à população. Criarei sete administrações regionais, para garantir a participação por região, criando escolas em tempo integral, bem como unidades de saúde.
Marcos Silva - Podemos destacar que o plano está alicerçado, principalmente, nos pilares da Educação, saúde, Reforma Urbana e Moradia, Mobilidade e políticas permanentes contra toda forma de
opressão e exploração.
Tadeu Palácio - Para os próximos quatro anos, a população de São Luís pode esperar uma gestão voltada para tornar nossa cidade mais humana e sustentável, produtiva, com qualidade de vida para as pessoas, igualitária e inclusiva.
Washington Oliveira - Nossa meta é transformar São Luís em uma cidade sustentável e moderna, para isso vamos trabalhar de forma incansável desde o primeiro dia de governo em uma gestão democrática, compartilhada e inovadora.

Muitos são os problemas municipais nas áreas de Saúde, Educação e Segurança. A falta de servidores também é um dos agravantes. Pretende realizar concurso para alguma das áreas defasadas pela falta de pessoal?

Edvaldo Holanda - Na minha gestão, vou dar vez à mão-de-obra que se especializa para trabalhar no serviço público. Vamos fazer um estudo para identificar as áreas e estabelecer um calendário de concurso.
Eliziane Gama - Uma boa parte dos servidores do município é contratado e de forma irregular. Então, daremos estabilidade, realizando concursos públicos para essas áreas.
Haroldo Saboia - Concurso público é a solução. Uma vez na carreira de servidor público e estando valorizado e com qualificação permanente, podemos exigir compromisso do servidor.
Marcos Silva - Os problemas apresentados nas administrações públicas só serão resolvidos quando se garantir ampliação e qualidade nos serviços essenciais prestados através da realização de concurso.
Tadeu Palácio - É  necessário ampliar o quadro de pessoal para as áreas carentes de profissional qualificado, para as funções a serem desempenhadas. Faremos isso por meio de concurso público.
Washington Oliveira - Vamos manter um quadro de pessoal suficiente e preparado para a prestação de serviços públicos de qualidade. Em nossa gestão, vamos realizar concurso público.

Quais são os seus principais projetos para valorizar o servidor público municipal?
Edvaldo Holanda - Os servidores públicos municipais precisam ter seus salários revisados e trabalhar em ambientes propícios para cada função. Vamos dialogar com os sindicatos e chegar a um consenso.
Eliziane Gama - Programa de Assistência ao Servidor Municipal, que hoje não está ativo como deveria. O servidor, além de ter um programa previdenciário forte, precisa também de um atendimento de Saúde.
Haroldo Saboia - É preciso valorizar o servidor a partir da negociação, elaboração e efetivação do Plano de Cargos, Carreiras e salários. É preciso se reunir com as categorias e consolidar uma política sólida.
Marcos Silva - É preciso melhorar os salários e condições de trabalho. Outra ação imediata é a incorporação das gratificações aos salários.
Tadeu Palácio - No nosso Programa de Governo, consta a valorização do servidor municipal como uma grande prioridade.
Washington Oliveira - Implementaremos em nosso governo, a Gratificação de Desempenho, com avaliação anual do servidor. Vamos revisar os planos de carreiras dos servidores municipais.

Agentes de trânsito da Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes (SMTT) denunciaram as péssimas condições de trabalho. Além disso, a falta de pessoal atrapalha ainda mais a fiscalização desses agentes. O problema pode se tornar ainda mais grave uma vez que, em breve, a cidade terá uma frota de 300 mil veículos, segundo estatísticas do Departamento Estadual de Trânsito do Maranhão (Detran), aumentando a demanda de serviços e a necessidade de um efetivo ainda maior nessa área. De que maneira pretende resolver esta questão?

Edvaldo Holanda - Vamos aumentar o efetivo de guardas civis em São Luís e ampliar os pontos fixos onde a guarda civil poderá ser encontrada.
Eliziane Gama - Nossos agentes de trânsito terão um programa de capacitação continuada de forma que exerçam suas funções como devem, na origem proposta.
Haroldo Saboia - É preciso enfrentar a falta de fiscalização nos terminais. Também vamos reavaliar a planilha dos custos das passagens, já que o custo é um dos maiores do Brasil.
Marcos Silva - Vamos realizar concurso na área e também aplicar utilização de estudos, com aprimoramento e medidas para melhorar o fluxo de trânsito.
Tadeu Palácio - Como já falei anteriormente, realizaremos concurso publico para atender às necessidades de pessoal evidenciadas em cada área, inclusive na área de trânsito.
Washington Oliveira - Vamos resolver esses problemas com a implementação de medidas em curto prazo. Além de aumentar o número de agentes de trânsito.

Denúncias do Sindicato dos Funcionários e Servidores Públicos Municipais de São Luís (Sinfusp) dão conta de que a Educação do estado sofre, não só com a precarização da infraestrutura, como também com a falta de pessoal nas escolas. Prova disto, é que o Ideb do maranhão continua abaixo da média estabelecida pelo MEC. Quais os seus planos para a Educação?
Edvaldo Holanda - A Educação em São Luís precisa de infraestrutura adequada e professor motivado. Isso requer qualificação com formação continuada e salários que respeitem o Plano de Cargos e Carreiras.
Eliziane Gama - Em nosso governo não haverá uma só criança fora da sala de aula.  Na Educação, os profissionais precisam ser bem remunerados pra ter estímulo e educar com dedicação.
Haroldo Saboia - Vamos valorizar o profissional da Educação com qualificação, planejamento e valorização salarial. Em cinco anos, vamos revolucionar o ensino de São Luís.
Marcos Silva - Além da valorização profissional através do Plano de Cargos e Carreiras, vamos realizar concuso público amplo tanto para docentes, quanto para a área administrativa.
Tadeu Palácio - O eixo Educação será trabalhado nas seguintes vertentes: manutenção e desenvolvimento; atendimento específico ao educando; e valorização profissional.
Washington Oliveira - Vamos investir na valorização e qualificação dos profissionais, com um plano de cargos, carreiras e salários e concurso público.

Denúncias afirmam que o Maranhão está entre os estados que não aplicam os 12% obrigados por lei na área da Saúde. Isso se reflete na falta de pessoal e, consequentemente, afeta diretamente a população. Quais são suas propostas para esta área do município?
Edvaldo Holanda - Entre outras propostas, vamos criar mais cinco novas equipes de SAMU. Ao cumprir rigorosamente o que a constituição exige, o dinheiro chegará na íntegra ao destino final.
Eliziane Gama - Vamos aplicar corretamente os recursos, investindo no profissional e nas estruturas das 81 unidades de saúde da cidade para trabalharmos de forma eficiente.
Haroldo Saboia - Na verdade, o município gasta algo superior a 25% de seus recursos nessa área, o problema é como isto é aplicado. Vamos fazer concurso público para profissionais de área de Saúde.
Marcos Silva - Abertura imediata de concursos públicos para sanar a situação em que nos encontramos da falta de servidores. E construção e implantação de plano de cargos e salários para a área.
Tadeu Palácio - Entre outras propostas, ampliar as equipes de Saúde da Família (estratégias de família) e implantar o Núcleo de Assistência a Saúde da Família (Nasf).
Washington Oliveira - Vamos investir em prevenção, com ampliação do número de equipes do Programa Saúde da Família e ampliar o número de agentes comunitários de saúde.

**FOLHA DIRIGIDA entrou em contato com a assessoria dos candidatos João Castelo (PSDB) e Ednaldo Neves (PRTB), para realizar entrevistas por email ou telefone. No entanto, até o fechamento desta edição, as solicitações não foram respondidas.

Comentários

NEWSLETTER
Cadastre-se para receber notícias e Informações