Folha Dirigida Entrar Assine

Notícia principal

TJ: candidato deve conhecer banca da prova


Em função da crise econômica e a redução dos concursos públicos este ano, quem busca uma colocação no serviço público deve ficar atento às ofertas que já estão garantidas para o segundo semestre. Um exemplo é o concurso para cargos de nível médio do Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJ-MG), cujo edital já está em fase final de elaboração pela Consulplan, organizadora.

Serão oferecidas vagas imediatas e cadastro para o oficial de apoio judicial (Justiça Comum e Juizado Especial) e oficial judiciário (Comissário da Infância e da Juventude. A remuneração é R$3.238,54, já com R$799 de auxílio-alimentação. Os futuros candidatos que buscam aprovação devem intensificar a preparação e, assim, garantir a tão sonhada vaga no Poder Judiciário.

O programa de estudo do último concurso para o TJ-MG, em 2009, pode servir como referência. Entretanto, não deve ser a única forma de preparação. Os candidatos devem se atentar a outros fatores para realizar uma boa prova. O mentor do curso online Aprova Concursos, Diogo Silva, diz que além de se preocupar com o conteúdo abordado, os participantes devem se familiarizar com os demais aspectos da seleção.

"Somente dominar o conteúdo não é o suficiente. É necessário entender os outros candidatos, olhar o histórico da organizadora, provas similares de outros concursos, conhecer a banca e reparar todos os detalhes necessários para fazer uma boa prova", observa.

Ainda de acordo com Diogo, desprezar o método de estudo da última avaliação também não pode ser considerado, uma vez que a banca é a mesma. "Importante é estudar a organizadora nos últimos três anos, pesquisando editais para concursos semelhantes. Realizar questões anteriores ainda é de suma importância, pois familiarizará os candidatos com o nível cobrado para tal seleção".

Diogo diz ainda que os concorrentes devem cumprir um cronograma de estudos que organize o ciclo de matérias a serem abordadas, de forma que as disciplinas sejam alternadas conforme o candidato as termine.  É recomendável que as horas livres sejam usadas para essa tarefa.

Concurso anterior - Na última seleção foram contratados mais de 4.237 aprovados para oficial de apoio judicial até dezembro de 2014, data em que o concurso foi expirado.

Comentários

NEWSLETTER
Cadastre-se para receber notícias e Informações